« Anterior
Proximo »

Cheio de sabor e calor

Share this:

Comida Tailandesa foi uma descoberta sem querer para mim. Depois de inventar de cozinhar uma Sopa Thai (confira lá no blog Monasofia), comecei a fazer variações do mesmo tema e fico cada vez mais apaixonada pelos sabores e aromas que preenchem minha boca e cozinha.
Essa semana, foram duas! Uma para aproveitar uma carninha de boi orgânica que havia acabado de comprar, e outra, que é um fusion entre a sopa e essa com carne. A primeira, além de eu mesma aproveitar, a Dri comeu depois de chegar em casa tarde da noite e comeu fria mesmo com muito gosto. A segunda eu fiz para impressionar alguém e o resultado não poderia ter sido melhor :).
As estrelas são o bok choy, um vegetal verde-escuro folhoso que é muito conhecido na culinária oriental e tem um talo com uma textura incrível, e o leite de coco, muito conhecido por nós brasileiros na preparação de sobremesas e frutos-do-mar, e que possui essa cremosidade deliciosa que se assemelha ao do creme de leite.

  • Yakisoba Tailandês

Tempo de preparo: cerca de 40 minutos.
Serve duas pessoas

100g de carne de boi cortada em tiras (pode ser contra-filé, filé mignon, ou miolo de alcatra, que são mais macias)
6 folhas de bok choy (ou couve-chinesa, ou escarola)
1 cenoura pequena (fatiada em palitos finos)
um punhado de brotos (de preferência que não seja de leguminosas)
2 dentes de alho pequenos
3/4 de xícara de leite de coco
1/3 de maço de coentro (folhas separadas dos talos)
molho shoyo ou tamari (molho de soja)
curry vermelho tailandês (você pode encontrar na sessão de produtos orientais do supermercado. Ou acrescente os temperos da próxima receita.)
molho de ostras (opcional)
vinagre de arroz integral (opcional)
óleo de coco
Macarrão (pode ser o de trigo integral comprido, ou o de arroz – Bifum)

Enquanto o macarrão cozinha, fatie o alho em lâminas finas, e pique os talos do coentro bem fininho. Aqueça uma wok ou frigideira grande em fogo alto com o óleo e refogue esses temperos. Acrescente as cenouras e refogue mais.
Pique o bok choy: primeiro os talos em tiras de cerca de meio cm, e depois enrole as folhas como um charuto e fatie em tirar finas, e acrescente no refogado. Coloque a carne picada e somente mexa cerca 30 segundos depois, para não criar água, refogando bem. Depois, acrescente parte do broto, reservando um pouco para decorar no final.
Tempere com shoyu e o molho de ostras, mexendo bem. Coloque o leite de coco, abaixando para fogo médio, e acrescentando uma colher de sobremesa de curry vermelho tailandês e dissolvendo bem no molho do cozimento. Enquanto isso, você já verificou o cozimento do macarrão, dependendo das instruções da embalagem. Adicione o mesmo ao molho, mexendo bem para incorporar os dois. Desligue o fogo e adicione as folhas de coentro, mexendo para distribuir bem. Tempere com um pouco de vinagre de arroz.
Sirva em uma tigela ou prato fundo, decorando com um pouco mais de coentro e coloque delicadamente os brotos no centro do prato.

  • Cogumelos ao estilo Tailandês

Tempo de preparo: cerca de 40 minutos.
Serve duas pessoas

3 xícaras de cogumelos frescos fatiados (eu uso o shitake, o cremini ou o portobelo, mas pode ser qualquer mais um carnudo. Os cogumelos são ótima fonte de proteínas e ajudam a incrementar a imunidade.)
6 folhas de bok choy (os talos em tiras de cerca de meio cm, e depois enrole as folhas como um charuto e fatie em tirar finas)
um punhado de brotos (de preferência que não seja de leguminosas)
3/4 de xícara de leite de coco
1 cebola pequena picada bem miúda
1/3 de maço de coentro (folhas separadas dos talos)
1 limão (raspas da casca e suco)
de 3 a 4 cm de gengribre (pique em palitinhos finos, ou bem pequeno, ou rale)
um caule de capim-limão (corte o talo em pedaços de cerca de 10 cm cada, faça um corte longitudinal, mas sem atravessar todo o pedaço, deixando as duas metades unidas)
uma pimenta dedo-de-moça pequena picada (retire as sementes e a parte do miolo se quiser menos picante)
molho shoyo ou tamari (molho de soja)
molho de ostras (opcional)
óleo de coco

Em uma wok ou frigideira grande, esquente o óleo em fogo alto e acrescente a cebola, os caules de coentro, o gengibre e a pimenta, refogando por cerca de 30 segundos. Acrescente o capim-limão, os cogumelos e os talos do bok choy, tempere com as raspas de limão, o shoyu e o molho de ostras, e refogue até o cogumelo murchar.
Acrescente o leite de coco e abaixe o fogo, cozinhando até o molho reduzir um pouco. Desligue o fogo e acrescente o suco de limão e as folhas de coentro a gosto, mexendo bem para incorporar ao molho.
Sirva com arroz jasmim ou comum integral e decore com os brotos e o coentro.

Ajuste os temperos de acordo com sua preferência, pricipalmente a pimenta, já que nem todo mundo gosta de comida muito picante. Você pode substituir os vegetais e as proteínas de acordo com seu gosto e a disponibilidade também, lembrando de ajustar o tempo de cozimento de acordo.
เพลิดเพลิน (Aproveite!)

Outro Post

« Anterior
Proximo »

Aqui temos 5 comentários. Adicionar.

  1. Caraca, eu estava pensando em thai food nesse fim de semana!
    Perfeito! Já tenho uma receita pra essa semana.
    Mas diga lá. Na receita do cogumelo, o bok choy pode ser substituído pela couve chinesa/escarola tb ou, nesse caso, nada feito?
    Vc sabe como o bok choy é chamado aqui no Brasil. Sabe onde achar em Vix?
    Bjos e boa semana.

    • Oi Andrey,
      sim, pode usar esses também como substituto em qualquer receita que leve ele. As referências são ser um vegetal verde folhoso que tenha um talo mais carnudo e suculento, com gosto suave. E o bok choy chama assim mesmo no Brasil, pelo que me lembro quando vi no Hortifruti.
      Fico feliz em saber que atendi seus desejos gastronômicos hehehehe, depois conta para nós como foi essa experiência.
      Bjs e boa semana pra ti também!

  2. Pena que não dá pra fazer a receita de yakisoba na íntegra, já que não como carne vermelha. Será que posso substituir por pedaços grandes de atum?

    Vou cozinhar para 6 pessoas neste sábado e com certeza vou experimentar os cogumelos. Vou substituir o molho de ostra por molho de peixe chinês porque acho o gosto mais suave.
    Estou pensando em servir em trouxinhas de folha de bananeira sobre esteiras de bambu (aquelas de preparar sushi mesmo) e uns talheres de madeira bacanas que comprei em Trancoso. O que acha?

    Parabéns pelo post. Água na boca. Beijos.

    • uau, Tato, água na boca to eu de ouvi esses seus planos gastronômicos para esse fds 🙂 Acho que lascas de atum ficarão uma delícia, assim como cogumelos também fazem uma boa substituição em pratos de carne. Outra coisa que conheci recentemente e que fica ótimo é o tempeh, um preparado de grãos de soja, que vem como um tablete, fica com uma textura firme muito interessante e pega bem o sabor do molho.
      Depois conta pra gente como foi e tira fotos dessa forma de servir tão chique que você tá planejando, ein?
      Bjs e obrigada!

  3. Pingback: Melissa Setubal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba novidades sobre meus conteúdos, cursos e serviços