O que ninguém conta sobre dietas detox

Share this:

Regimes radicais podem estimular ganho de peso e prejudicar saúde

Dietas de desintoxicação, também conhecidas como detox, viraram uma grande moda nos últimos anos. Principalmente por conta dos resultados “milagrosos” que algumas famosas proclamam, com grandes perdas de peso, em um curto espaço de tempo. No entanto, o resultado pode ser muito diferente de eliminar toxinas e quilinhos indesejados. Quando feita de maneira incorreta, a dieta detox pode colocar seu corpo em uma montanha-russa prejudicial – e até mesmo perigosa.

Existem diversas técnicas milenares muito conhecidas que, quando bem orientadas e conduzidas por profissionais capacitados, trazem perda de peso, melhoria do bem-estar, e até mesmo cura de vários males. Um bom exemplo disso é o panchakarma, da medicina ayurvédica, que consiste em um conjunto de tratamentos terapêuticos para uma desintoxicação completa do organismo. Este tipo de dieta é tão profunda que só deve ser feita a cada 5 anos.

Essa linha de origem indiana também fala que a cada mudança de estação devemos mudar nossa alimentação para limpar o corpo das toxinas do período anterior e preparar o organismo para o clima dos próximos meses. Assim, mantemos o organismo em equilíbrio e evitamos doenças.

Dietas radicais, como a da limonada, causam perda de massa muscular.

Melissa Setubal - Coach de Saúde IntegrativaMas também existem outras linhas que podem ser não apenas radicais, como também muito complicadas de administrar junto com nossa ocupada rotina diária. Como a Master Cleanse, ou dieta da limonada, que consiste em tomar uma limonada com mel e pimenta caiena por um ou vários dias. Imagine continuar trabalhando, cuidando da casa e da família, estudar ou até mesmo sair para se divertir com apenas isso no estômago?

É claro que vai haver uma perda de peso drástica e eliminação de toxinas, já que o consumo de alimentos e calorias é praticamente inexistente. Mas as dietas com restrição calórica, na maioria das vezes, causam um efeito rebote imediato e intenso.

Isso porque elas causam perda de líquidos e de massa muscular, fazendo com que o organismo entre em estado de sobrevivência e, por isso, comece a conservar e a acumular gordura. O metabolismo desacelera e faz com o que o corpo fique com ainda mais facilidade de ganhar peso.

Aprenda a se livrar corretamente das toxinas e gorduras

Melissa Setubal - Coach de Saúde IntegrativaEntão, de que forma você pode ajudar seu organismo a se livrar das toxinas que acumulamos por meio da alimentação e do ambiente? Justamente ajudando seu corpo no seu processo de desintoxicação natural diária. Três ingredientes-chave para uma poderosa desintoxicação são: água, limão e folhas verde-escuras.

  1. Tomar água abundantemente durante todo o dia, além de ajudar na perda de peso e na diminuição do inchaço, é o primeiro passo para cuidar de nossa saúde e fazer uma detox. Dê preferência para armazenar o líquido em recipientes de vidro ou aço. Evite embalagens plásticas e sempre use um filtro que retira o cloro e o flúor da água – todas elas substâncias tóxicas. Melissa Setubal - Coach de Saúde Integrativa
  2. Comer folhas verde-escuras orgânicas de 2 a 3 vezes por dia não apenas nutre o corpo de forma profunda, como também ajuda no processo de remoção das toxinas e ajuda a ter mais disposição. Salsa e coentro são tão poderosos que podem ajudar a eliminar até metais pesados que respiramos no ar ou engolimos com a comida.
  3. Use o limão na água, nos sucos e para temperar a comida. Além de alcalinizar o organismo, que se torna ácido pelos hábitos de alimentação e estilo de vida, ele purifica o sangue e aumenta a capacidade do corpo de se livrar da TPM, das espinhas e das toxinas.

Publicado em: Personare, Personare em Portugal, MdeMulher, Portal RBS, Clube Vida Moderna.

Outro Post

Receba novidades sobre meus conteúdos, cursos e serviços